MATÉRIA

GARANHÃO DO CARNAVAL
Por Vicente Montanha

Alá, lá, ô, ô, ô, o Carnaval chegou! O feriado mais libidinoso do ano, os quatro dias em que ninguém é de ninguém e todo mundo é de todo mundo! Certamente, é esse o pensamento de muitos homens e mulheres durante esses fantásticos dias de fevereiro: todo mundo quer é beijar na boca e se divertir para valer!

“Nesse último Carnaval, somando os quatro dias, beijei mais de quarenta garotas. A maioria delas, eu nem lembro como eram, mas garanto que foram de ‘várias espécies’”, conta o estudante Thiago de Oliveira, 19 anos.

Segundo ele, a “pegação” no Carnaval, a cada ano que passa, fica mais fácil: todo ano aumenta o número de mulheres devidamente beijadas. Se os cálculos estiverem certos, em 2007, Oliveira deve “pegar” umas cinqüenta garotas nos bailes. “Esse ano quero me esbaldar, vou passar o Carnaval em Ouro Preto [interior de Minas Gerais], e não vai me importar a qualidade: só a quantidade”, diz, gargalhando, o jovem estudante – que não se julga um grande “pegador” e não sabe explicar a fórmula para tanto sucesso com a mulherada. “Tenho amigos e conhecidos que beijam muito mais que eu. Não tem segredo nenhum pegar mulher no Carnaval: só chegar e beijar”.

Descontando a usual... “Inflação”... Que a maior parte dos homens faz quando o assunto é o número de mulheres que beijam, o estudante realmente não é nenhum “Don Juan” dos bailes: apenas mais um jovem que aproveita bem esse tipo de festa.

Muitos homens, entretanto, não têm a mesma sorte – e acabam “zerando” no reinado de Momo. Se você tem sido um deles, não se desespere: o Carnaval está aí e preparamos uma série de dicas que vão mudar a sua vida. Siga-as corretamente e, quem sabe, você não supera o Thiago?


Manere na bebedeira

Muitos marmanjos utilizam as bebidas alcoólicas e até mesmo algumas drogas para perder a timidez e avançar na mulherada – mas, ao contrário do que se pensa, na maioria das vezes, esse truque pode ir por água abaixo. Pense bem: que gatinha vai querer beijar um homem com bafo de cachaça insuportável, que não consegue falar direito, ou que acabou de vomitar até as tripas?

A dica de Sexsites é não exagerar nas bebidas, manter-se sempre sóbrio e se concentrar em buscar o maior número de mulheres. Outra vantagem em não tomar todas: no dia seguinte, o amigo não vai sentir a famosa ressaca e estará pronto para outra antes dos concorrentes. Lembre-se: Carnaval são quatro dias e quatro noites!

Por trás das máscaras

O Carnaval é uma festa democrática. Até os patinhos feios podem se dar bem: tem mulher pra todo mundo! Se seu rosto não é como o de um Brad Pitt – que fisgou a deliciosa Angelina Jolie –, não precisa ficar desesperado: é só seguir a nossa dica. Já é uma tradição carnavalesca os bailes mascarados, onde só é permitida a entrada de homens e mulheres escondendo o rosto. Esse tipo de festa costuma apimentar a libido feminina, já que elas nunca sabem, na real, com quem estão conversando.

Se você é um desafortunado em beleza, seja esperto e freqüente esse tipo de baile, mas use uma máscara com abertura na boca. Assim, você não assusta a garota quando for beijá-la.

Tentativa e acerto
Essa dica não pode ser esquecida e deve ser aplicada para a vida inteira. Talvez a primeira garota de quem o leitor se aproximar não esteja a fim de beijar naquele momento e te dê um fora. Não desista jamais! Parta para outra(s)!

Use a seguinte “estatística”: a cada três nãos recebidos das garotas, uma dirá sim. Às vezes, é claro, não funciona nessa ordem – mas é batata: a persistência é uma virtude de todo homem “pegador”, e quem quiser se dar bem no Carnaval tem de ser assim.

Persista sempre, não desista jamais – e nada de se abater se aquela gatinha maravilhosa em quem você investiu tanto não quiser nada. Parta pra outra. Certamente, ela deve beijar mal ou vai se arrepender amargamente de ter te recusado...

Boas baladas

A escolha do lugar certo para gozar o reinado de Momo é essencial. Dê preferência aos locais onde estará uma grande concentração de pessoas. Geralmente, as cidades do interior, onde as festas acontecem na rua, são uma boa pedida. Alguns lugares conhecidos com a cidade histórica de Ouro Preto, em Minas, e São Luís do Paraitinga, próximo de Taubaté, interior de São Paulo, são ótimas pedidas – mas o Brasil é um país bastante festeiro, e, de norte a sul, existem ótimas festas.

Uma outra dica para escolher o local certo é ir aos lugares onde o ritmo musical a ser tocado é o axé das micaretas. Esse tipo de festa costuma reunir milhares de mulheres solteiras loucas para beijar muito na boca e se esbaldar de tanta alegria.

Os salões dos bailes de carnaval também são uma boa pedida, mas procure atuar nos cantos mais escuros. Nenhuma menina gosta de beijar um cara que já ficou com várias. Por isso, elas não precisam ver você beijando todas que aparecem pela frente.